terça-feira, 18 de novembro de 2008

Em meio à prosa, um pouco de poesia...


Saber Viver

Não sei... Se a vida é curta
Ou longa demais pra nós,
Mas sei que nada do que vivemos
Tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas.
Muitas vezes basta ser:
Colo que acolhe,
Braço que envolve,
Palavra que conforta,
Silêncio que respeita,
Alegria que contagia,
Lágrima que corre,
Olhar que acaricia,
Desejo que sacia,
Amor que promove.
E isso não é coisa de outro mundo,
É o que dá sentido à vida.
É o que faz com que ela
Não seja nem curta,
Nem longa demais,
Mas que seja intensa,
Verdadeira, pura...
Enquanto durar!
Cora Coralina

3 comentários:

Carmem Versuka disse...

Linda poesia da Cora Coralina! Apenas basta ler algo assim para o dia confortar o coração de quem procura um carinho na alma.
Parabéns pelo novo blog!
Abraços,
Carmem.

W disse...

Oi Carmem!
Que bom que gostou do blog!Obrigada! De vez em quando postarei algumas poesias para deleitarmos com palavras tão belas!
Abraços.

Anônimo disse...

Lembrei da frase: "quem não vive para servir, não serve para viver"
beijos,
Edjane